Como fazer uma segmentação de marketing eficaz para publicidade online? - Anuncie com a FolhaPE ADS - Blog e Serviços
Blog

Como fazer uma segmentação de marketing eficaz para publicidade online?

abril 4, 2019
Tempo de leitura 6 min

O conceito de público-alvo não é difícil de compreender, afinal, diz respeito a uma camada ampla de pessoas com quem as empresas dialogam. A segmentação de marketing, por sua vez, pode ser entendida como uma evolução, já que aprofunda as técnicas usadas para captar e fidelizar clientes.

Em marketing, a segmentação é um dos fatores mais importantes, pois delimita para quem, como e quando as ações serão colocadas em prática. Por aí você já pode ter uma ideia do que essa abordagem significa.

Segmentar de maneira eficaz é o que faz a sua empresa ser percebida como diferente ou melhor. Por isso, traz vantagens porque não só incrementa as vendas, como amplia a capacidade de fidelizar. E na prestação de serviços, falar com um público segmentado é imprescindível para o bom atendimento.

Há muitos outros motivos para você colocar o assunto em pauta na sua empresa. Por isso, e para ajudá-lo a começar, destacamos nesse artigo algumas das técnicas de segmentação mais utilizadas. Tenha uma ótima leitura!

Crie uma (ou mais de uma) persona

Dentro da evolução simbolizada pela segmentação de marketing digital, a técnica de construção de personas é a que melhor representa o quanto a coisa mudou.

Resumidamente, persona é um cliente, com nome — às vezes sobrenome — criado por profissionais de marketing ou não, utilizando para isso dados extraídos de clientes reais. Veja um exemplo:

Alexandra, 32 anos

Educação: Superior em administração

Trabalho: Gerente de uma imobiliária

Segmento: imóveis/serviços

Alexandra é gerente de uma imobiliária de médio porte que é tradicional e está no mercado há 40 anos. Está no comando do setor há cerca de 5 anos e também conta com outros 3 profissionais e uma equipe de vendas.

Tem um conhecimento grande sobre o mercado imobiliário, mas precisa se atualizar em relação às técnicas de vendas e marketing digital para o setor, além de ajudar na modernização e migração para o ambiente digital da sua empresa.

Na sua imobiliária, as ações de marketing estão concentradas no offline (TV, outdoor, rádio, eventos e relacionamento). Já em relação ao digital, há um site e redes sociais (Facebook e LinkedIn) que precisam urgentemente se adaptar às novas realidades para conseguir atrair clientes.

Tem o hábito de ler em sites de notícias, blogs e redes sociais (Facebook e Instagram).

Agora, considere uma empresa que vende para mulheres entre 25 e 35 anos, com ensino superior e que têm renda de cerca de 4 salários-mínimos.

Quem você acha que teria mais sucesso em ações para atrair e fidelizar? A sua empresa, que fala com a Alexandra, ou a concorrente, que fala com um público-alvo?

E se seu negócio ainda não tem clientes, tudo bem. Você pode formar sua primeira persona, por exemplo, com base em pesquisas de mercado ou dados extraídos de suas redes sociais e site.

Defina os fatores demográficos

Que fique claro que as boas técnicas do passado não precisam — e nem devem!  — ser abandonadas. Nesse sentido, você deve até ter reparado que na composição de uma persona continuam valendo dados demográficos como profissão e idade.

Por isso, defini-los com base em dados e estatísticas confiáveis é o primeiro passo que você deve dar para fazer uma segmentação de marketing que funciona. Em determinados nichos esses dados são essenciais, como é o caso de produtos infantis ou para a melhor idade.

Seria o caso, por exemplo, de uma empresa que vende produtos médicos para idosos. Certamente, antes de elaborar uma estratégia de marketing online ou offline, ela deverá saber em que local se concentram as pessoas com mais de 65 anos.

Assim, há casos em que a demografia é mais importante do que uma segmentação baseada em uma persona. Avalie com critério e defina sempre de acordo com pesquisas de institutos e empresas de grande porte, como IBGE, FGV ou Fecomércio.

Considere a localização

A importância dos fatores demográficos leva a um outro componente da segmentação de marketing que não pode ser deixado de lado, a localização. Mais uma vez, deve-se destacar que há setores em que o ponto de venda faz toda a diferença na hora de captar clientes. Autoescolas, creches, oficinas mecânicas, academias de ginástica e boxes de CrossFit são alguns dos exemplos mais emblemáticos.

Aliás, o marketing baseado na geolocalização é considerado um mercado a ser explorado, em função dos avanços promovidos pelo Google. Cada vez mais, as pessoas utilizam celulares para fazer pesquisas em seus micromomentos, por isso, estar bem localizado e pronto para atender é decisivo.

Use as ferramentas digitais

Já que as principais técnicas foram destacadas, nada mais justo do que conhecer as ferramentas que você deverá usar para colocá-las em prática, não? Confira na sequência:

Construção de personas

  • Xtensio;
  • Crie sua Persona;
  • Super Persona;
  • Akoonu;
  • MCorpCX;
  • Persona Topic Matrix;
  • Up Close & Persona;
  • Make my Persona;
  • Buyer Persona Template:
  • UserForge;
  • Personapp;
  • Fantástico Gerador de Personas.

Coleta de dados demográficos e da concorrência

  • Google Analytics;
  • Google Search Console;
  • Facebook Insights;
  • SEM Rush;
  • Alexa;
  • Owletter;
  • Similar Web.

Faça uma previsão de custos

Entre as ferramentas destacadas, você deve ter reparado que algumas delas não são gratuitas. Assim, sua empresa precisará reservar os recursos necessários para ir em frente. Além das ferramentas, é preciso calcular outros custos inerentes à formatação de uma estratégia de marketing digital eficaz

Há de se convir também que nem sempre o orçamento permite investir na contratação de uma agência. Por isso, uma possível solução é recorrer aos serviços de portais digitais como a Folha PE. Como já contam com equipes formadas de profissionais de comunicação, podem dar suporte a um custo que não seja proibitivo. Junto ao apoio em ações de marketing digital, esta é uma alternativa a ser avaliada, em virtude da possibilidade de explorar também o conteúdo patrocinado.

Seja qual for a sua escolha, é preciso ter em conta que quanto mais profissional você for na hora de fazer a segmentação de marketing, maiores as chances de sucesso. Seus resultados serão superiores, sua marca ganha mais força e prestígio e, no final, seus clientes ficam mais satisfeitos.

Quer aumentar o alcance da sua divulgação online? Então conheça as 7 principais tendências de marketing digital para 2019!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up