Saiba como as redes sociais podem alavancar seu negócio! - Anuncie com a FolhaPE ADS - Blog e Serviços
Blog

Saiba como as redes sociais podem alavancar seu negócio!

outubro 22, 2018
Tempo de leitura 6 min

Segundo o site Statista — um importante portal internacional de estatísticas de mercado — o uso das redes sociais no mundo vai continuar crescendo exponencialmente.

Se hoje mais de um terço da população mundial está conectado por meio delas, em 2020 esse número deve chegar aos 3 bilhões de pessoas.

As mudanças no comportamento de consumo dos internautas estão entre as muitas revoluções que as redes sociais ajudaram a causar. E se o consumo muda, as empresas também se veem obrigadas a mudar.

No artigo de hoje, vamos explicar por que as redes sociais devem ter a sua atenção. E mostrar o que muda na prática quando o seu negócio interage socialmente com seu público-alvo. Acompanhe.

O que são redes sociais

Por definição, redes sociais são formas de interação online ou offline entre indivíduos, que se organizam segundo interesses comuns e afinidades. Embora o termo seja anterior à internet, foi com o surgimento de plataformas como Facebook, YouTube e Instagram que ele se popularizou.

É importante distinguir as redes sociais das mídias sociais, embora não seja incorreto usar esses termos como sinônimos: as mídias sociais, tradicionalmente, são mais voltadas ao compartilhamento de conteúdo online, enquanto as redes sociais são focadas na interação entre seus usuários.

Como as redes sociais podem alavancar seu negócio

As redes sociais podem impulsionar os lucros da sua empresa engajando, tirando dúvidas dos usuários sobre seus produtos e gerando relacionamento com eles. Ou seja, cumprindo as etapas de atração e nutrição do funil de marketing do seu negócio.

Hoje, 92,1% das empresas brasileiras estão presentes nas redes sociais. E 62% dos internautas brasileiros — cerca de 87 milhões de pessoas — também se faz presente nessas redes. Esses dados mostram o quanto as redes sociais são promissoras comercialmente, mas também, como a concorrência entre empresas já chegou até elas.

A sua empresa já faz parte desse ambiente? Ela está à frente da concorrência? Dispõe de mecanismos para interagir com os usuários e aproveitar as oportunidades que essas plataformas representam?

Se a resposta à primeira pergunta for positiva, já é um bom sinal. No entanto, esteja o seu empreendimento presente nas redes sociais ou não, há algumas coisas sobre elas que você precisa saber.

Veja, abaixo, como as redes sociais — bem como as mídias e anúncios online — podem transformar a realidade do seu negócio de uma maneira que o marketing offline jamais seria capaz de fazer.

Facilitando a captação de clientes

Antes de comprar produtos ou contratar serviços, as pessoas recorrem às opiniões umas das outras e fazem pesquisas nas páginas das marcas. Ao fim dessa jornada, sabem muito bem diferenciar aspectos técnicos e calcular o custo-benefício de uma compra.

Por um lado, isso exige mais conhecimento e competência dos seus vendedores. Por outro, significa que as pessoas chegam até eles mais convencidas daquilo que precisam e, naturalmente, mais próximas da atitude de compra.

Assim, se você está próximo do seu público no ambiente virtual e satisfaz suas dúvidas, eles vão agradecer comprando de você.

A solução de problemas com o SAC 2.0

Uma das principais características das redes sociais é o relacionamento próximo com o cliente. Na era digital, esse relacionamento extrapola as relações formais e se aproxima muito mais de uma conversa franca.

O Twitter é um bom exemplo de ambiente de redes sociais onde essa comunicação acontece. Diversos são os casos, inclusive, de pessoas que tiram dúvidas e solucionam problemas interagindo com suas marcas favoritas nessa rede social.

Esse processo de atendimento online já tem nome: é o SAC 2.0. Uma espécie de Serviço de Atendimento ao Consumidor desburocratizado e, pela própria natureza ágil da internet, bem mais rápido.

Reforçando o posicionamento de marca

Por sinal, a percepção das pessoas tem mudado muito por causa de facilidades como o SAC 2.0. Essas e outras ferramentas podem ajudar a reconquistar a confiança de consumidores que antes eram mal atendidos por telefone ou presencialmente.

Uma vez reconquistados, eles se reaproximam das marcas, o que restabelece e reforça o posicionamento de marca, uma vez que bom atendimento é um diferencial e tanto.

Mas não é só isso: se for necessário mudar a forma como a sua empresa se posiciona, o posicionamento de mercado dos produtos que oferece ou reparar uma má impressão, as redes sociais também podem ajudar.

Gerando engajamento

No fundo, o objetivo de toda marca, nas redes sociais ou fora delas, é conquistar e manter o engajamento com seus clientes e potenciais clientes. Afinal, ele é o primeiro passo para transformar essas pessoas em promotores dos seus produtos ou serviços.

Embora haja, hoje, inúmeros pontos de contato entre essas marcas e o consumidor, o boca a boca ainda é um modelo importantíssimo de promoção.

Na verdade, a comunicação entre os consumidores aumentou vertiginosamente, o que faz com que muitos deem especial atenção à opinião de outras pessoas.

Segundo a agência de inteligência de marketing eMarketer, 45% dos compradores online se sente influenciado por opiniões, comentários e reviews de produtos que encontram nas redes sociais.

Com anúncios

O potencial de uma página de atingir seus clientes potenciais nas redes sociais é grande, mas a capacidade de segmentação desse modelo é limitada.

É aí que entra a diferenciação entre postagens orgânicas e patrocinadas. Levar seu conteúdo às pessoas organicamente — isto é, sem pagar — ainda é possível, embora não seja uma estratégia tão eficiente como antes.

Por outro lado, os posts patrocinados são uma opção paga que não apenas chega a mais pessoas, como atinge as pessoas certas. Anúncios em redes sociais as mais diversas permitem segmentação demográfica (como a idade do público-alvo, região em que mora ou trabalha e poder aquisitivo, por exemplo) e ainda pelo nível de interesse em determinados assuntos.

Em outras palavras, na opção de postagens patrocinadas, você economiza tempo, atinge mais pessoas e oferece o produto ou serviço certo para o cliente certo, na hora certa.

Aumentando os lucros

Nem toda marca vende nas redes sociais. No entanto, não é exagero dizer que Facebook, Twitter, Instagram e outras plataformas sociais influenciam nos lucros das empresas.

Direta ou indiretamente — por vezes, até mesmo sutil ou subjetivamente — a presença das marcas nas redes sociais desperta desejo, curiosidade ou interesse dos consumidores.

Em alguns casos, compras são feitas imediatamente. Em outros, as redes sociais desempenham um papel importante na jornada de compras de um consumidor.

Seja como for, uma coisa é inegável: se você não está presente nas redes sociais, deve fazer isso imediatamente. Se já está, deve aprimorar o relacionamento com os clientes, comunicando-se com eles e buscando engajamento.

Mas vale ressaltar que, em nenhuma hipótese, elas devem ser o seu único ponto de contato com clientes e potenciais clientes. Invista também em outros tipos de mídia online para o seu negócio.

E por falar em redes sociais, que tal compartilhar este post nas suas? Assim, você garante que outras pessoas também tenham acesso ao conteúdo, e testa como anda o seu poder de engajamento.

Você também pode gostar

Scroll Up