O que é um link e como conseguir backlinks de qualidade? - Anuncie com a FolhaPE ADS - Blog e Serviços
Blog

O que é um link e como conseguir backlinks de qualidade?

março 14, 2019
Tempo de leitura 6 min

Linkagem nada mais é o do que uma ligação entre páginas que pode ser interna ou externa. Por isso, saber o que é um link e como trabalhar com eles em ambas as origens ajuda a colocar seu site em posições melhores nos resultados da busca orgânica do Google.

Quem desenvolve marketing de conteúdo precisa garantir um background de links que não dê margem a erro. Isso significa valorizar a qualidade dessas referências em termos de formatação mas, principalmente, pelo teor da página a ser linkada.

Continue lendo para conhecer as formas mais eficazes de se construir ligações que vão fazer toda a diferença em seus resultados na produção de conteúdo.

Conteúdo

Uma referência que confira credibilidade para seu site nasce de um bom conteúdo. Nesse quesito, é preciso orientar a produção de artigos para uma linkagem que remeta internamente ao seu blog.

Assim, é como se você dissesse para os robôs do Google que é uma autoridade no assunto e que tem material rico o bastante para manter as pessoas bem informadas. Proceda da mesma forma que você poderá conferir ao longo deste artigo, em que os links internos levam a artigos relevantes.

Um conteúdo de qualidade, original e que realmente agregue conhecimento tende a virar referência com o passar do tempo. É assim que você ganhará, espontaneamente, backlinks em páginas externas que vão direcionar para a sua.

Guest posts

Não bastaria entender o que é um link externo se não fosse possível conquistá-los sem depender de terceiros. Por mais que o conteúdo de qualidade tende a virar referência e gerar backlinks, essa é uma etapa do SEO que pode e deve ser acelerada.

“Mas como conseguir links em sites externos se eu não tenho o controle sobre eles?” A resposta a essa questão está no chamado Guest Post, ou post de convidado. Há portais, sites e revistas eletrônicas que aceitam artigos produzidos por pessoas de fora, como recurso para atrair público e ganhar autoridade.

Sendo assim, o que você pode fazer é buscar, na internet, por esse tipo de parceria, em que seus artigos poderão direcionar para a sua página a partir de material feito por você. Se sua empresa presta consultoria imobiliária, por exemplo, procure no Google por “blog imobiliária guest post” e veja o que acontece.

Se não der resultado, tente variações como “post convidado imobiliária” ou “postar como convidado blog imóveis”.

De qualquer forma, os backlinks neste formato podem não surtir o efeito desejado, caso a página que o publica for um blog pessoal ou não tiver tanta credibilidade. É aí que o formato de conteúdo patrocinado se revela a melhor solução, uma vez que garante backlinks de qualidade.

Nesse formato, sua empresa toma a reputação de portais como Folha PE emprestadas, sem que isso implique uma construção forçada de links externos. Seu site ganha posições na busca do Google de maneira rápida, sustentável e sem riscos.

Construção de infográficos

A publicação de infográficos é uma maneira simples e rápida para conquistar links justamente porque facilitam a vida de quem está em busca de informação. Trata-se de um formato que alia a parte textual e visual, no qual ambos se complementam. Logo, é um material ao mesmo tempo informativo e fácil de consumir.

Ao publicar infográficos, você também evita o temível plágio, já que não é possível copiar e colar o que está escrito. Em consequência, protege sua página de possíveis sanções aplicadas pelo Google, que faz com que plagiadores e até quem sofre plágio percam posições ou desapareçam dos resultados de busca.

O algoritmo Panda, desenvolvido com essa finalidade, costuma ser bastante preciso na detecção de coneùdo duplicado. Portanto, o infográfico funciona bem para blindar sua página de possíveis penalidades.

Citações

Os backlinks podem ser definidos também como os links que sua página recebe, logo, servem como mais uma ajuda na hora de promover o conhecimento. Como vimos, eles podem ser internos ou externos.

Nesse sentido, vale destacar um estudo do site Copyblogger. Nele, foi constatado que a relevância de um domínio (seu endereço Web) representa 27,8% do peso na hora do ranqueamento pelos algoritmos do Google.

E o que significa exatamente essa relevância?

Pode-se dizer que um site ou blog torna-se relevante por toda uma conjuntura que evidencia a qualidade do seu conteúdo. Em outras palavras, os algoritmos do Google são desenvolvidos para considerar uma série de fatores além da quantidade de links, entre eles as citações.

E se o domínio em questão pertencer a um site de grande audência e credibilidade como a Folha PE, aí os ganhos são ainda maiores. Ou seja, tanto backlinks como citações, em portais muito acessados e confiáveis, representam um excelente negócio.

Esteja certo de que sempre que sua marca for citada, independentemente de linkagem, dará um passo a mais em direção a um posicionamento melhor. Esse é mais um motivo para investir na produção de conteúdos memoráveis.

Ferramentas

Uma coisa é certa quando se busca definir o que é um link: trata-se de um verdadeiro trabalho de formiguinha. Isso porque, além da construção da linkagem que você deverá fazer, existe também a necessidade de evitar links de má qualidade, os chamados link quebrados.

Para detectar estes links, existem ferramentas para facilitar a sua vida, mas sua utilidade não se resume a isso. Sabendo quais links estão quebrados, você poderá trabalhar em conteúdo que substitua os que já não funcionam mais, principalmente se forem de concorrentes.

No segmento imobiliário, por exemplo, nada o impede de fazer uma pesquisa com essas ferramentas para detectar linkagem quebrada. E se esses links tiverem relação com o que você faz, será hora de desenvolver conteúdo que possa substituí-los. Ganha a página que publica os links e ganha sua.

Algumas das ferramentas disponíveis são:

  • Broken Link Builder;
  • LinkBird;
  • Check My Links;
  • Whitespark.

O mais importante é que você se disponha a testar conforme as necessidades do seu negócio e esteja disposto a investir tempo na construção de links de qualidade. Como destacamos, os algoritmos do Google não estão em busca de quantidade, logo, é a sua capacidade de planejar, criar e publicar que fará diferença.

Procure entender o que é um link por uma perspectiva de uma grande rede colaborativa, na qual cada site que direciona para o seu se beneficia da sua autoridade. Em contrapartida, você conquista as posições de forma consistente e fica menos dependente de mídia programática.

Curtiu o artigo e quer ampliar ainda mais seus horizontes? Saiba agora quais são os principais tipos de anúncios digitais!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up